Pesquisar
Close this search box.

Economize até 35% na conta
de energia da sua empresa.

FOTO

Grupo de Trabalho debate foco nacional na certificação do hidrogênio

Autor:
CCEE

5º Workshop destaca a importância de analisar a demanda interna pela energia renovável

Organizado pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE, o Grupo de Trabalho sobre certificação do hidrogênio se reuniu no início de setembro (08) para falar sobre os avanços nos critérios internacionais para contratação da fonte e os caminhos que o Brasil pode seguir. O 5º Workshop contou com a participação de representantes das instituições do setor, produtores de hidrogênio, geradores, acadêmicos, consultores e financiadores de projetos.

O debate teve início com uma apresentação da McKinsey & Company, que abordou o cenário energético europeu com a guerra da Ucrânia e Rússia e a preocupação a respeito do atributo ambiental do hidrogênio que será produzido, comparando este insumo com ferro, que tem seu preço de acordo com sua pureza. 

Na sequência, os participantes avaliaram que o Brasil precisa olhar para a demanda do mercado interno, adotando uma estratégia independente da proposta europeia. A principal preocupação é que os critérios internacionais limitem a indústria brasileira de hidrogênio, sendo que algumas condições não fariam sentido para a estrutura do nosso país. O grupo ressaltou a importância de serem identificadas as necessidades locais para desenvolver a certificação, garantindo espaço para todas as fontes renováveis, como biomassa e hidrelétricas, além da solar e eólica.

As reuniões colaborativas para concepção da certificação do hidrogênio continuarão nos próximos meses. Lembrando que a CCEE aproveitará todas as informações de medição, contratos e modelagem da energia elétrica já existente em seus sistemas para desenvolver essa certificação, contribuindo assim para a transição energética. 

Caso você tenha interesse em receber informações a respeito do tema, entre em contato pelo e-mail atendimento@ccee.org.br solicitando o cadastro como “informado” sobre o assunto. 

LINK PARA MATÉRIA

Compartilhar no:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

16 de junho de 2024