FTO

UFVs da Solatio em Pernambuco recebem aval para operação comercial

Autor:
Jade Stoppa Pires / MegaWhat

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) liberou 112,6 MW das fontes eólica e solar fotovoltaica para entrada em operação comercial. Os despachos foram publicados na edição desta quinta-feira, 3 de fevereiro, do Diário Oficial da União.

Da Solatio, foram liberadas as 33 unidades geradoras, somando 50 MW de capacidade instalada, das UFVs Bom Nome 1-5 e Bom Nome 1-6. As usinas, localizadas no município de São José do Belmonte, em Pernambuco, operam agora em plena capacidade.

Foi liberada, ainda, a operação comercial da UG3, de 4,2 MW, da eólica Ventos de Santa Esperança 15, e as UG1 e UG2, de 4,2 MW cada, da eólica Ventos de Santa Esperança 13. As usinas, de titularidade da Enel Green Power, estão localizadas no município de Morro do Chapéu, na Bahia.

Para a modalidade em teste, foram liberadas a UG1, de 0,44 MW, da UFV Shopping Cidade, em Alagoas, e a UG1, de 1,5 MW, da UFV Ferreira Costa Caruaru, em Pernambuco.
Link da fonte: https://megawhat.energy/noticias/destaques-do-diario/145411/ufvs-da-solatio-em-pernambuco-recebem-aval-para-operacao-comercial
Fonte: MegaWhat

Reidi

O Ministério de Minas e Energia (MME) aprovou incentivos fiscais para o projeto de geração da termelétrica MP Paulínia, com 15,7 MW de capacidade instalada, de titularidade da Mercurio Partners, enquadrando-o no Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infraestrutura (Reidi).

O projeto, localizado no município de Paulínia, no estado de São Paulo, terá valor total de R$ 128.889.221,42 sem incidência de PIS/Pasep e Cofins.

LINK PARA MATÉRIA


Compartilhar no:

Share on linkedin
Share on facebook
Share on whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *