Pesquisar
Close this search box.

Economize até 35% na conta
de energia da sua empresa.

foto

Consumidores industriais de energia recorrem à Aneel contra térmicas emergenciais

Autor:
Letícia Fucuchima / CNN Brasil

Abrace defende a extinção dos contratos de todos os 11 empreendimentos que ganharam o leilão emergencial

A Abrace, associação que reúne consumidores industriais de energia elétrica, entrou com recurso na agência reguladora Aneel nesta segunda-feira (8) pedindo a rescisão contratual de usinas termelétricas contratadas emergencialmente no ano passado que não entraram em atividade no devido prazo.

O recurso da entidade está associado ao caso das térmicas da Âmbar, braço de energia do grupo J&F, mas a Abrace defende a extinção dos contratos de todos os 11 empreendimentos que ganharam o leilão emergencial realizado pelo governo brasileiro em meio à crise hídrica de 2021 e que não iniciaram operações até 1º de agosto.

Pelos termos do contrato, os empreendimentos deviam começar a fornecer energia em maio, e, se houvesse atraso, estariam sujeitos a multa e rescisão do contrato a partir de agosto.

Das 17 usinas contratadas, apenas seis cumpriram os prazos contratuais. Elas estão fornecendo energia mais cara em um momento de maior alívio ao sistema elétrico, após a recuperação dos reservatórios de hidrelétrica, o que levou a uma série de pedidos pela descontratação desses empreendimentos.

LINK PARA MATÉRIA

Compartilhar no:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

3 de julho de 2024