FOTO

CCEE: PLD médio em 2021 é projetado em R$ 93,42 no Sudeste

Autor:
Henrique Faerman, CanalEnergia

Preço é semelhante para o submercado Sul, no Norte e Nordeste devem ficar na faixa de R$ 86/MWh a R$ 59,98/MWh

A projeção do PLD médio de 2021 para os submercados Sudeste/ Centro-Oeste e Sul ficou em R$ 93,42/MWh e em R$ 59,98/MWh para 2022, afirmam os dados apresentados pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). Os valores consideraram os novos patamares, máximo de R$ 583,88/MWh e mínimo de R$ 49,77/MWh para o cálculo.

Segundo a CCEE, as médias para os cenários mais pessimistas seriam de um teto de R$ 186,74/MWh e menor valor de R$ 156,10/MWh, e de R$ 53,21/MWh e R$ 49,77/MWh numa perspectiva otimista. Já para os submercados Nordeste e Norte, a projeção indica médias de R$ 86,08/MWh e R$ 86,22/MWh, respectivamente, para o ano que vem no preço máximo, e de R$ 59,98/MWh no patamar mais baixo.

A energia natural afluente (ENA) deve ficar em 89% no SIN em janeiro. No SE/CO é esperada elevação para 88% em janeiro em relação aos 65% do mês anterior e 92% no Sul, caindo 2 pontos porcentuais em relação a dezembro. Já no Norte a ENA deve subir para 98% no próximo mês, e 83% no submercado Nordeste, frente a 48% verificado ainda em 2020.

Já a energia armazenada no sistema pode atingir 31% no começo do ano que vem. No SE/CO, ela aumentou para 26%. No Sul ela aparece com 10% e no Norte também fica em 26%, mantendo os níveis. Para o Nordeste a previsão é de 57%.

Por sua vez, o ajuste do MRE para o próximo ano foi estimado em 83,4% e o fator de repactuação do GSF em 80%, com o impacto financeiro chegando em R$ 19 bilhões, sendo R$ 12 bilhões no ACR e R$ 7 bilhões no mercado livre.

LINK PARA MATÉRIA

Compartilhar no:

Share on linkedin
Share on facebook
Share on whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *